11 96076 0117

Piso vinílico para hospital: é a melhor escolha !

foto de piso vinilico para hospital

Quando pensamos na construção de um hospital há diversos fatores que precisam ser considerados, entretanto é de extrema importância uma atenção especial na escolha dos acabamentos. É nesse cenário que o piso vinílico para hospital ganha uma relevância significativa. 

Sendo um ambiente controlado que demanda os mais específicos cuidados, os  hospitais seguem normas rígidas impostas pelo órgão de vigilância sanitária. O responsável por regularizar os mínimos detalhes do local, inclusive que tipo de piso é colocado. 

Tendo em vista as normas, vamos conhecer o porquê do piso vinílico ser tão importante para um projeto hospitalar. 

A vantagem do piso vinílico para hospital 

Uma das vantagens de utilizar o piso vinílico para hospital está em sua durabilidade. Esse tipo de ambiente, de acordo com as regras da ANVISA, pede que os materiais que o compõem sejam duradouros. 

A ANVISA não só exige que tenham longa durabilidade, mas também que sejam  resistentes, afinal precisam aguentar o grande fluxo de pessoas indo e vindo e objetos mais pesados como macas e cadeiras diversas vezes ao dia. 

Ambas as características não só estão presentes no piso, como também são um grande diferencial. Já que um piso danificado pode levar ao fechamento da ala por completo, prejudicando assim o bem-estar e o tratamento dos pacientes.  

O piso vinílico é também um grande aliado em termos de acústica e temperatura. Pois absorve a maioria dos sons de grande impacto, algo comum dentro de um hospital e sendo atérmico influência na estabilidade da climatização. 

Além disso, a instalação do piso costuma ser rápida e descomplicada, sendo uma opção prática para uma construção que visa velocidade em sua entrega. 

As vantagens em manutenção do piso vinílico

Não só em durabilidade e resistência, mas o piso vinílico é perfeito para o ambiente hospitalar por facilitar a limpeza. Para manter a segurança das pessoas que transitam pelos corredores e salas é necessário que o local esteja sempre higienizado. 

O piso vinílico tem a praticidade, como seu principal aliado, em preservar o ambiente seguro, pois não precisa de produtos químicos fortes para mantê-lo. Isso significa que água com um pouco de detergente já é o suficiente para higienizar o piso hospitalar. 

A rapidez com que essa higienização pode ser feita é certamente mais uma vantagem positiva, impedindo que qualquer ala do hospital fique interditada por muito tempo. 

Da mesma forma que pensamos no que aplicar para higienizar, deve- se ter em mente que alguns produtos não podem ser usados de forma alguma nos pisos, como: 

  • Produtos com base em solventes;
  • Qualquer tipo de cera (existem específicas para piso vinílico) 
  • Água em excesso

Um local onde há preocupação constante com a transmissão de vírus, fungos e bactérias, o piso vinílico é o melhor parceiro que podemos encontrar no mercado.  

As versatilidade do design no piso 

Outro ponto atraente do piso vinílico em mantas para hospital é sua variedade de opções de cores, ajudando não só a criar uma atmosfera clara e estéril, mas também não agressiva aos olhos.

Afinal, os hospitais não costumam ser lugares que as pessoas gostam de estar, mas nada impede que possamos deixar a experiência a mais amena possível. E a diversidade dos designs dos pisos favorece uma boa construção de ambiente. 

Oferecemos uma variedade de pisos vinílicos que podem aperfeiçoar seu projeto e trazer os melhores resultados do mercado. 

As exigências da ANVISA sobre o piso hospitalar ideal 

Os pisos entram na categoria que o órgão regulador chama de “proteção secundária”. Dessa forma, existem algumas características específicas que se encontram nas normas estabelecidas pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) sobre o tipo de piso ideal para os ambientes hospitalares. 

De acordo com a resolução RDC 50, a norma estabelecida pelo órgão sanitário, os pisos não devem ter como característica um índice de absorção de água superior a 4%.

Também está incluso nas normas previstas, que o piso hospitalar seja livre de emendas ou juntas. Situações que facilitam a formação de sujeira, o que é um fator de risco, pois aumenta a chance de contaminação. 

Utilização de cimento como rejunte do piso também é proibido pelas normas da ANVISA, sem que haja um agente anti absorvente. 

Os locais que demandam maior atenção no projetos e onde o piso vinílico para hospital pode entrar como grande aliado são: 

  • Áreas críticas – locais de maior chance de contaminação – UTIs, salas de cirurgia, bancos de sangue e afins;
  • Áreas semicríticas – locais com menor chance de contaminação mas ainda sim, de risco – ambulatórios e enfermaria.

Outros locais que exigem certo cuidado e possuem algumas regras específicas são: 

  • Rodapés – as junções entre rodapé e parede; rodapé e piso, devem permitir a higienização;
  • Escadas – o piso deve contar com antiderrapantes;
  • Rampas – assim como as escadas, as rampas exigem material antiderrapante; 

Diante de todas as exigências o piso vinílico é o melhor para qualquer projeto hospitalar de sucesso !


O que achou do nosso artigo sobre o uso do piso vinílico para hospital? Encontrou a solução ideal para o seu projeto, certo? Agora que já entende melhor sobre o assunto, é preciso encontrar a empresa ideal para comprar o seu piso… E nós somos o que você procura! 

Entre em contato e fale com um de nossos atendentes para mais informações.

Nos vemos no próximo artigo!